"...Liberdade, essa palavra
que o sonho humano alimenta
que não há ninguém que explique
e ninguém que não entenda..."

Cecília Meireles

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

SONHO

Que me dera poder escolher,
eu escolheria simplesmente viver.
me Libertaria  das correntes
e sairia por aí, calmamente.
Pararia para ver o Sol nascer,
para apreciar a beleza das flores,
sentir em meu rosto a brisa do mar,
para contar as estrelas,
me embriagar de ar,
ver meu filho crescer.
Pararia para simplesmente não enlouquecer.

3 comentários:

  1. Tão bom poder ler palavras que libertam sentires e chegam até nós, feitas poesia. Sempre um prazer lê-la, minha amiga.

    Agradeço-lhe, de coração, a sua presença este ano no Oceano.
    Desejo-lhe um Feliz Natal e um Optimo Ano Novo cheio de realizações pessoais, Paz e Amor.

    Beijinhos
    oa.s

    ResponderExcluir
  2. Lindo, lindo, emocionante e verdadeiro..como seria fantástico pararmos no tempo e vivermos somente de felicidade!! Beijos Rê, parabéns mais uma vez!!

    ResponderExcluir